quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

O verdadeiro poder da mente


O verdadeiro poder da mente

Pesquisa, tradução e adaptação: 
Yashar David e Shlomo ben Avraham

A mente é o bem mais importante que uma pessoa tem. Através de uma mente purificada, podemos encontra e nos conectar a Hashem.

A mente é a faculdade mais poderosa que a humanidade possui. Rabi Nachman escreveu extensivamente sobre a faculdade de pensar. Vamos mencionar um ensinamento breve para ajudar a esclarecer e lançar luz sobre o nosso tema.

Existe um número infinito de mundos espirituais. Porém, a fonte de energia para cada ação física são as energias espirituais que estão contidas nas câmaras dos mundos superiores.

O primeiro passo para realizar qualquer ação física é conectar  nossos pensamentos para esses mundos, e então pensar em como podemos realizar nossos objetivos.

Quando ligamos propositadamente a idéia das ações físicas com as energias espirituais da câmara celestial, com o objetivo de servir a D’us, o Sagrado Abençoado Seja, retificamos o reino de onde veio essa energia.

O oposto é também é verdadeiro, quando alguém comete um pecado o transgressor  faz grande dano ao mundo de onde a energia espiritual esta associada, isto porque os erros geralmente são pensados, planejados através da mente.
“O arrependimento é  a única forma de reparar todos os danos causados aos reinos espirituais.” (I Likutai Moharan 66)

“É preciso ter cuidado para ter somente bons pensamentos em Rosh Hashaná (Ano Novo judaico, o Dia do Juízo), porque os pensamentos negativos podem trazer um julgamento duro.”(Sichoth Haran 21)
“O pensamento são tão poderosos que através de intensa concentração, pode-se realizar praticamente qualquer coisa.” (I Likutai MoHaran 193)

“Os maus pensamentos de um indivíduo podem afetar o universo, impedindo que as ações de Hashem sejam percebidas na criação.” (I Lekutai MoHaran 49)

“Quando se é demasiadamente rigoroso na aplicação das leis da Torá, [porque o individuo não sabe como observá-los de uma forma equilibrada e correta], motivado pelo medo da punição, seus equívocos mentais desenham julgamentos severos para si mesmo, tornando sua a vida dura e miserável. Mas quando, através da experiência, ele descobre a verdade, e aprende a aplicar as leis com propriedade de uma forma prática e equilibrada, é motivado pelo seu amor e respeito a Hashem, ele chama a misericórdia para si mesmo, tornando sua vida mais agradável. (1 Lekutai MoHaran 87)

Esses ensinamentos nos dão uma visão clara sobre como a mente é poderosa.

Para aproveitar esse incrível poder, devemos purificar e retificar os vasos ou câmaras da mente. Para limpar a mente do efeito das impurezas, o que permite conectar-se fortemente Hashem, uma pessoa deve livrar a mente de fantasias impuras.

Todo o mal, pode ser atribuído a impureza sexual. Se uma pessoa se purifica em pensamento e ações, todas as suas más tendências caem e são conquistadas mais facilmente. Quando uma purifica sua mente de impurezas, ignorando seus pensamentos fantasiosos, ele é capaz de perceber mais claramente Hashem.

Rabi Nachman ensina que é muito difícil controlar os pensamentos. Uma pessoa não é responsabilizada pelo pensamento inicial, portanto aquilo que vem a mente a princípio não causa nenhum dano espiritual ao mundo. Somente quando o pensamento se instala e faz morada na alma é que traz danos.

Portanto, quando Hashem queria dar a Torá para os judeus, ele os levou para a terra mais imoral que já existiu, a fim de confrontar e extirpar o mal da impureza sexual.




“Obra realizada com a permissão de D’us, o Sagrado Abençoado Seja!”
 Direitos reservados A BRESLEV BRASIL
A cópia e uso do conteúdo são permitidos apenas com expressa citação da fonte


Fonte:http://judaismovivo.com.br/

Reações: